fechar Ligue-nos

Código de ética

Os Membros dos Órgãos Sociais do Centro de Promoção Juvenil, todos os Colaboradores, incluindo voluntários ao serviço da Instituição, todas as Educandas, bem como todas as organizações que de alguma forma colaboram com o CPJ comprometem-se a respeitar os seguintes princípios éticos da Instituição:

 

Legalidade –  agindo sempre em conformidade com a lei e os regulamentos emanados pelas autoridades competentes, tendo sempre presente todos os normativos e procedimentos definidos;

 

Boa Fé – actuando junto dos interlocutores internos ou externos num quadro de confiança, com adequado sentido de cooperação, de forma correcta e leal;

 

Eficiência – procurando cumprir as missões e executar as funções ou tarefas que lhe caibam, com rigor e qualidade, através de processos simples e expeditos, sentido de economia e racional uso dos recursos;

 

Verdade e Transparência – estabelecendo relações na base destes valores assegurando, designadamente, a boa comunicação entre todos os interlocutores, bem como a recolha, tratamento e consolidação dos dados;

 

Integridade – agindo com rectidão e honestidade, no respeito pelos objectivos do CPJ, renunciando a qualquer compensação, favor ou vantagem de terceiros por serviços prestados à Instituição; recusando intervir na gestão de situações em que haja, ou possa haver, colisão de interesses, pessoais e institucionais.

Considera-se existir colisão de interesses, sempre que os interesses privados dos destinatários deste código possam, de alguma forma, interferir com os interesses do CPJ, ou, os mesmos destinatários possam retirar qualquer benefício pessoal ou institucional das decisões ou orientações tomadas no exercício das suas funções. Do mesmo modo, se considera existir conflito de interesses em todas as situações de que decorram ou possam vir a decorrer quaisquer benefícios ou vantagens como consequência de relações familiares entre os destinatários deste Código, ou entre estes e Terceiros ao CPJ.